COMISSÕES

Grupo de Trabalho de Comunicação e Educação Ambiental

Enquadramento

As nossas ações estão alinhadas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável propostos pela ONU, nomeadamente os referentes à proteção do ambiente e ao combate às alterações climáticas. 

O trabalho em desenvolvimento pelo GTCEA tem como como base a partilha de conhecimento obtidos através da experiência profissional de todos os seus membros nas vertentes da Comunicação e Educação Ambiental, entre os associados da APDA e profissionais do setor. Esta partilha far-se-á sobretudo através da realização de diferentes ações, i.e. Papers, Organização de Seminários, Workshops, Colóquios, promoção a visitas de estudo identificadas com esta temática, ou outras atividades similares que se considerem pertinentes naquela que é o âmbito de atuação do GTCEA e a sua contribuição para o desenvolvimento das comunidades e dos territórios.

Âmbito de Atividade

Perante as manifestações das alterações climáticas, enfrentar os desafios da água em consonância com os objetivos de desenvolvimento sustentável, é um fator essencial para melhorar a gestão dos recursos hídricos a nível não apenas nacional, como internacional. É fundamental que todas as entidades, promovam a compreensão das problemáticas com que o mundo atual se defronta e tomem consciência da responsabilidade individual e da importância da ação coletiva no exercício de uma cidadania responsável. 

Nos últimos anos, o sector da Água tem vindo a impor-se através do desenvolvimento de iniciativas, Planos de comunicação e de Educação Ambiental em defesa deste recurso escasso e essencial à vida, tentando envolver a população de forma ativa. A Educação Ambiental, aliada a uma boa estratégia de comunicação, constitui-se como uma “arma” poderosa na chamada de atenção para este bem essencial, que é um direito de todos e que todos temos de proteger. Contudo, a comunicação é muito mais do que um simples folheto, publicidade ou evento. A criação do GTCEA reflete o objetivo de realizar um trabalho em equipa e de forma participativa, por parte de um significativo grupo de profissionais e técnicos do setor, que utilizam as ferramentas da comunicação e da educação ambiental como instrumentos para o diálogo permanente com as populações em torno da temática ambiental e em particular do recurso água. 

A criação deste Grupo de Trabalho de Comunicação e Educação Ambiental da APDA constitui-se ainda como com uma poderosa ferramenta de valorização da profissão dos Comunicadores, mas também como oportunidade de melhorar a comunicação no setor da água de dentro para fora.

Constituição

Cargo Nome Instituição
Coordenadora Teresa Fernandes Águas do Algarve, SA
Vice-Coordenadora Teresa Alvarez SIMAS de Oeiras e Amadora
Membro Ana Carlos Parceria Portuguesa para a Água
Membro Ana Cláudia Nunes SMAS de Torres Vedras
Membro Ana Maria Santos Águas de Coimbra, EM
Membro António Marques Águas da Covilhã, EM
Membro Carlos Mendes SMAS de Almada
Membro Clara Varandas Be Water, SA
Membro Daniel Queiroz SMAS de Almada
Membro Davide Simões SMAS de Sintra
Membro Filipa Fernandes Águas do Porto, EM
Membro Filipe Pimenta SMAS de Sintra
Membro Isabel João Gomes Câmara Municipal do Barreiro
Membro Lénia Almeida Águas de Portugal, SGPS, SA
Membro Lisete Oliveira Águas do Centro Litoral, SA
Membro Marcos Batista Águas do Tejo Atlântico, SA
Membro Marcos Sá EPAL, SA
Membro Marta Vieira AGERE, EM
Membro Miguel Barriga EMAS de Beja, EM
Membro Nina Figueiredo Águas de Coimbra, EM
Membro Raquel Silva Águas do Tejo Atlântico, SA
Membro Ricarda Barbosa ARM - Águas e Resíduos da Madeira, SA
Membro Susana Tavares Águas do Porto, EM

 



Design Binário