BRASÍLIA RECEBE EM NOVEMBRO 12.º SILUSBA

18/11/2015

Brasília recebe entre os próximos dias 22 e 27 de novembro de 2015 o 12.º SILUSBA – Simpósio de Hidráulica e Recursos Hídricos dos Países de Língua Portuguesa, que terá como tema central “Gestão da Água e do Território: Perspetivando Sinergias”.

Nesta 12.ª edição do SILUSBA relevar-se-á a temática da gestão da água e do território, uma vez que é manifesto que uma gestão cada vez mais integrada deste capital natural contribuirá para um desenvolvimento mais harmonioso e sustentável.

Os temas gerais do 12.º SILUSBA são os seguintes:

  • Gestão de recursos hídricos em contextos nacionais e transfronteiriços;
  • Água e serviços dos ecossistemas;
  • Água, território e adaptação à variabilidade climática;
  • Governança e cidadania para a água;
  • Educação para uma nova cultura da água;
  • Sistemas hídricos sustentáveis;
  • Inovação para uma economia verde;
  • A utilização das TIC na gestão de recursos hídricos.

Para a organização do evento, “é imperioso que se faça uma reflexão sobre as inter-relações dos recursos hídricos com o território, e eventuais disfunções na articulação e coordenação destes dois domínios. O conceito de gestão integrada de recursos hídricos deve ter em conta a forma como o território é usado pelas mais diversas actividades humanas.” “Uma articulação robusta da gestão da água e do território, com dinâmicas próprias e específicas de cada setor, é essencial para a proteção dos recursos hídricos e dos serviços dos ecossistemas associados, bem como para minimizar os riscos de uma ocupação inadequada do solo e para facilitar a adaptação às alterações climáticas”, refere a organização.

Durante a realização dos Simpósios decorrerá a Expohidro, ensejo que permitirá a troca de experiências e conhecimentos entre os profissionais do setor.

Este evento decorre em paralelo com o XXI Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos “Segurança Hídrica e Desenvolvimento Sustentável: Desafios do Conhecimento e da Gestão”.

Mais informações sobre o 12.º SILUSBA aqui

Fonte: Associação Portuguesa dos Recursos Hídricos (APRH)