PLANEAMENTO DA SEGURANÇA DO SANEAMENTO DIVULGADO NA JORDÂNIA E NO MÉXICO

26/11/2015

Depois de ter marcado presença no Water Development Congress & Exibition promovido pela Associação Internacional da Água (IWA), que teve lugar na Jordânia no passado mês de outubro, onde participou ativamente com comunicações na principal sessão do evento pré-congresso, o Utility Leaders Forum, e no Workshop de Planeamento de Segurança de Saneamento (PSS), promovido pelo IWA Specialist Group Resources-Oriented Sanitation, a Acquawise Consulting – empresa que é membro associado coletivo da Associação Portuguesa de Distribuição e Drenagem de Águas (APDA) – continuou na semana passada o seu périplo de divulgação do PSS, desta vez no México.

Este evento teve como principal objetivo reunir a comunidade científica com os setores público e privado, instituições financeiras e responsáveis políticos, para impulsionar a cooperação e para encontrar soluções de gestão de água mais eficientes e sustentáveis para aliviar as tensões criadas pela escassez de água. A segurança da água, a disponibilidade e qualidade, são as questões mais críticas com que o mundo é confrontado atualmente.

No México, e em representação da Organização Mundial de Saúde, a Acquawise apresentou a metodologia do PSS no curso de Segurança Hídrica e Eventos Extremos, promovido pela CODIA (Conferência de Diretores Ibero-Americanos de Água), pela CONAGUA (Comissão Nacional de Água do México) e pela Associação Nacional de Empresas de Água e Saneamento do México (ANEAS), tendo como destinatários técnicos de instituições responsáveis pela gestão dos recursos hídricos dos países da América Latina.

Raquel Mendes, sócia gerente da Acquawise Consulting, participou ainda no painel de discussão sobre “Uma gestão eficiente dos serviços de água e de saneamento como instrumento de equidade social”, que finalizou o Congresso da ANEAS 2015, que decorreu de 9 a 13 de novembro, em Chihuahua, México.

Na sua vigésima nona edição, o Congresso da ANEAS 2015 contou com mais de 400 expositores e reuniu mais de 7000 participantes, entre entidades gestoras, autoridades governamentais, especialistas e empresas do setor de vários países da América Latina, EUA, Espanha, Japão, Hungria, Alemanha, França e Portugal.

Este evento teve como princípio orientador “A água e o desenvolvimento sustentável”, indo ao encontro do apelo feito pela Nações Unidas: “Os recursos hídricos são um elemento-chave nas políticas de combate à pobreza, mas por vezes são ameaçados pelo próprio desenvolvimento. A água influencia diretamente o nosso futuro, logo, precisamos mudar a forma como avaliamos, gerimos e usamos este recurso”.

Fonte: Acquawise Consulting