APDA CELEBRA HOJE 33 ANOS

13/01/2021

O dia 13 de janeiro de cada ano tem sempre um significado muito especial para a nossa Associação. É mais um aniversário que comemoramos e é, também, um momento de reflexão sobre os caminhos já percorridos e o lançamento de perspetivas para um renovado trabalho no percurso que escolhemos: fazer mais e melhor em favor do Setor da Água nas suas várias vertentes nacionais e internacionais.

Este início do ano 2021, porém, surge-nos carregado de ameaças e incertezas, em plena “crise sanitária” nacional e global de proporções inimagináveis há um ano, o que fez do ano 2020 o “tempo de todos os perigos”, pondo em risco as nossas vidas, as economias nacionais e multinacionais, expondo de forma brutal as vulnerabilidades das sociedades contemporâneas e confrontando os paradigmas em que assentam os seus modelos de desenvolvimento.

No que toca à “Água”, pelo contrário, veio sublinhar de forma ainda mais nítida, a enorme “centralidade” deste “recurso essencial escasso” como elemento absolutamente “vital” para a garantia da vida humana e dos outros seres vivos, bem como a indispensabilidade da preservação da biodiversidade.

Esta abordagem consta, aliás, do “European Green Deal” da atual Comissão Europeia, propondo “novos acordos ecológicos” que coloquem em parceria “água, biodiversidade, desenvolvimento e saúde pública”, assinalando o efeito “tampão” que os sistemas biodiversos exercem na contenção de pandemias como a que hoje nos atinge, quando dificulta a passagem direta de vírus de animais para os seres humanos.

No que toca ao trabalho da Associação, não é demais sublinhar a forma como nos conseguimos reorganizar em 2020, face à emergência em que vivemos, em diferentes graus, a maior parte do ano, destacando o regime de teletrabalho em que passaram a funcionar os nossos colaboradores permanentes, que saúdo pelo empenho e profissionalismo de que deram provas, bem como a capacidade de iniciativa, organização, competência e assertividade das Comissões Especializadas, Grupo de Trabalho e Núcleo de Jovens Profissionais de Águas, ao terem transformado rapidamente os “Encontros” que estavam programados para todo o ano, no bem-sucedido ciclo de 19 webinars “Conversas com Tema - O Setor da Água em Movimento”.

É meu dever neste aniversário também cumprimentar e agradecer aos oradores, e aos mais de 3500 participantes, os seus valiosos contributos para o muito elevado nível dos temas, debates, propostas inovadoras de medidas e soluções para o futuro da gestão da água e do saneamento.

A Revista APDA mudou de Diretor, entrando Sérgio Hora Lopes para o lugar de Nelson Geada, ausente em trabalho no estrangeiro, aproveitando para agradecer e cumprimentar ambos pela forma como vêm consolidando esta, que é também uma “imagem de marca” da APDA. 

Este terrível ano 2020, contudo, não terminou sem nos chocar com a tristeza da partida do nosso querido amigo Eng.º Arnaldo Pêgo, colaborador desde há muito, quer como Presidente da Comissão Organizadora do ENEG, quer como membro do Conselho Editorial da Revista. Sentimos todos na APDA, profundamente, a sua perda.

Partilho convosco estas notas, saudando-vos de forma amiga e cordial neste 33.º Aniversário, transmitindo a minha confiança e do Conselho Diretivo, de que, apesar das profundas incertezas que a pandemia nos coloca, a que se adicionam as decorrentes das alterações climáticas, que já se faziam sentir de forma nítida, seremos capazes de seguir em frente, na APDA, no Setor da Água e na Sociedade em geral, contribuindo para mobilizar os mais representativos “stakeholders” na procura do caminho, bem difícil e com obstáculos e curvas não sinalizados, para um real desenvolvimento sustentável.