PARECERES E OUTROS DOCUMENTOS

Lisboa, 14 de abril de 2022

 

Lisboa, 31 de março de 2022

 

Lisboa, 5 de abril de 2022

APDA disponibiliza dois documentos, produzidos em 2021, no âmbito da Comissão Consultiva do PENSAARP 2030, em complemento do seu contributo para o enquadramento do plano (julho 2020, ver abaixo).  

          

 

Lisboa, 28 de fevereiro de 2022

APDA disponibiliza o seu contributo para a Estratégia Nacional para a Gestão de Lamas de ETAR Urbanas 2030.  

 

 

Lisboa, 11 de fevereiro de 2022

APDA disponibiliza os seus comentários à Recomendação Tarifária dos Serviços de Águas.

 

Lisboa, 14 de janeiro de 2022

APDA disponibiliza o contributo ao Estudo “Regadio 20|30 - Levantamento do Potencial de Desenvolvimento do Regadio de Iniciativa Pública no Horizonte de uma Década”.

 

Lisboa, 12 de abril de 2021

 

Lisboa, 9 de abril de 2021

 

Lisboa, 1 de março de 2021

Pronúncia da APDA sobre o Plano de Recuperação e Resiliência.

 

Lisboa, 18 de fevereiro de 2021

Exposição APDA - Dificuldades do setor, novos encargos e definição de prioridades.

 

Lisboa, 30 de novembro de 2020

APDA disponibiliza pronúncia sobre O Regulamento da Qualidade do Serviço Prestado ao Utilizador Final, da ERSAR.

 

Lisboa, 31 de julho de 2020

APDA disponibiliza contributo para Enquadramento do PENSAARP 2030.

 

Lisboa, 7 de abril de 2020

APDA publica folheto informativo sobre a COVID-19 e Águas Residuais.

 

Lisboa, 13 de março de 2020

APDA publica folheto informativo sobre a COVID-19 e Água Potável.

 

Lisboa, 29 de março de 2019

Parecer da APDA sobre o Projeto de Regulamento Tarifário.

 

Lisboa, 8 de outubro de 2010

Parecer da APDA sobre “Desinfecção e Qualidade da Água para Consumo Humano em Portugal”

Nos passados dias 1, 2 e 3 de Outubro foi divulgado pela estação de televisão SIC (em diversos serviços noticiosos e no programa “Grande Reportagem”, com o título “Desta Água Beberei?”) e pelo jornal Expresso, um “estudo”, elaborado com a colaboração da organização ambientalista Quercus, versando a situação da qualidade da água para consumo humano em Portugal.


Lisboa, janeiro de 2010

Alertamos os consumidores para a existência de empresas a operar nos vários concelhos do país, cujo intuito é apenas a venda de aparelhos para colocação na torneira do consumidor com abastecimento pela rede pública (por exemplo filtros).


Lisboa, março de 2006

A Associação Portuguesa de Distribuição e Drenagem de Águas (APDA) tomou conhecimento, através de Associados, do “estudo” efectuado pela DECO à Água para Consumo Humano em diversos Concelhos do País, incidindo apenas nos parâmetros Cloratos, Cloritos, Endotoxinas e Micobactérias.

Ver mais...

Lisboa, 11 de março de 2005

O INAG anunciou que o Programa de Acompanhamento e Mitigação dos Efeitos da Seca prevê a duplicação do valor da taxa a cobrar aos consumidores e coloca sobre as entidades gestoras de distribuição de água a definição de consumo eficiente.

Ver mais...

Lisboa, 14 de maio de 2001

POSIÇÃO DA APDA sobre a transposição para o Direito Português da DIRECTIVA 98/83/CE do CONSELHO de 3 de Novembro de 1998 relativa à qualidade da água destinada ao consumo humano.

Ver mais...